Contato

Conheça mais sobre nossos projetos no nosso site http://www.cosmopolitaarquitetura.com.br, e também em nossa página do Facebook https://www.facebook.com/cosmopolitaarquitetura

26 de ago de 2011

Centro Cultural da UFG

Um dos blogs de arquitetura que a Equipe Cosmopolita lê e recomenda é o Archdaily. Certamente é um dos sites mais renomados no assunto, pois abrange projetos do mundo todo, tem o maior acesso diário e possui até programa de estágio para estudantes que queiram trabalhar na sua redação. Isso reflete na qualidade e quantidade das postagens, oferecendo ao leitor um ótimo panorama. 

Fachada Principal
(Fonte: archdaily.com)

Fiz questão de contextualizar isso tudo pois fico feliz sempre que vejo projetos brasileiros sendo postados no Archdaily. Isso comprova que a Arquitetura Brasileira se destaca no cenário mundial, indo além do reconhecimento de uma era onde o Niemayer era o nosso único representante famoso. E o projeto que vou compartilhar hoje é um bom exemplo disso.

Vista geral
(Fonte: archdaily.com)

Este novo Centro Cultural está localizado próximo ao campus da Universidade Federal de Goiás, em Goiânia. No local, havia um pequeno galpão onde funcionava a oficina dos veículos da faculdade e um depósito. Posteriormente, o edifício foi transformado em local de atividades artísticas e hoje, depois de um processo de transformação arquitetônica, o velho galpão foi adaptado para abrigar um espaço cultural para artes cênicas, artes visuais, dança, música e workshops de arte contemporânea.

 
Detalhes
(Fonte: archdaily.com)

Achei a composição formal do edifício simples, mas marcante. Tanto esteticamente, como em significado. São dois cubos coloridos inseridos diagonalmente em um prisma retangular. Este partido formal enfatiza o caráter simbólico da obra, sugerindo a ideia de que centro é uma base que sustenta iniciativas de ponta, criações de arte inovadoras.

Teatro
(Fonte: archdaily.com)

Internamente, o programa dos espaços tinha duas demandas principais: prover um teatro e uma galeria de arte. Além disso, há uma área administrativa. Externamente, um terraço adjacente ao edifício funciona como um espaço extra para atividades performáticas.

Planta baixa
 
Entrada da galeria de arte
 
Interior da galeria
(Fonte: archdaily.com)

Nenhum comentário: